Rádio Hinos Inspirados


domingo, 16 de outubro de 2016

A IGREJA É DO SENHOR JESUS



1.Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a MINHA igreja, e as portas do Hades não prevalecerão contra ela”. Mt 16.18

2.Cuidai, pois de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja DE Deus, que ele adquiriu com seu próprio sangue”. At 20.28

3.porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo É A cabeça da igreja, sendo ele próprio O Salvador do corpo”. Ef 5.23

4.também ELE É A cabeça do corpo, da igreja; é o princípio, o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência”. Cl 1.18

5.(pois, se alguém não sabe governar a sua própria casa, como cuidará da igreja DE Deus?)”. 1Tm 3.5

6.para que, no caso de eu tardar, saibas como se deve proceder na casa DE Deus, a qual é a igreja DO Deus vivo, coluna e esteio da verdade”. 1Tm 3.15

7.Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós que outrora nem éreis povo, e agora sois DE Deus; vós que não tínheis alcançado misericórdia, e agora a tendes alcançado”. 1Pe 2.9,10



Lendo estes sete¹ versículos Neotestamentários, pergunto: O que eles têm em comum?

Primeiro: referem-se à Igreja;

Segundo: lançam luz sobre a situação/posição da Igreja;

Terceiro e mais importante: a quem a Igreja pertence.



Isto já esclarecido, partamos ao nevrálgico ponto!

O que acontece com a hodierna liderança eclesiástica (excetuadas a genuínas exceções) a cada dois anos, quando no período eleitoral?
Percebe-se nitidamente um desespero em colocar alguém nas cadeiras do Legislativo e Executivo. Por quê?
Muito oportuno o artigo publicado na revista Obreiro Aprovado, CPAD, 4º trimestre/2016, quando fala sobre a Igreja aceitar “benesse” de candidato a cargo público, onde na seção Gabinete Pastoral, o pastor Elienai Cabral diz: “Uma coisa é apoiar alguém, sem assumir compromisso público partidário e político. Outra coisa é negociar votos com oferta de políticos”.

Infelizmente, o que temos visto e ouvido é de estarrecer o espírito. Alianças e barganhas estranhas à fé, à crença, à consciência (particular e coletiva) e ao bom senso.


O QUE ESTÁ ACONTECENDO???


A resposta: POLITICAGEM²

Substantivo feminino de uso pejorativo.
1 política de interesses pessoais, de troca de favores, ou de realizações insignificantes;
2 o conjunto dos políticos que se dedicam a essa espécie de política.



As chefias, em seu desejo de crescer, satisfazer sua vaidade (a vaidade que Salomão tanto alerta (37 vezes) em Eclesiastes), enveredou nos últimos anos num perigoso caminho. Caminho heterodoxo e antagonicamente contrário ao encontrado no Livro de Deus. Valores morais e espirituais tornando-se secundários, e os desejos do coração (que (em tese) deveriam estar mortificados) afloram a cada dois anos, mais precisamente durante o período eleitoral.

Paulo, ao escrever ao jovem Timóteo, bispo da Igreja em Éfeso, revelou as características dos últimos dias, sendo que a primeira é: “os homens serão AMANTES DE SI MESMOS”. O restante da lista é apenas a consequência do primeiro item.

A expressão AMANTES DE SI MESMOS³, no vernáculo original é philautos (φιλαυτος), isto é, bem atento aos próprios interesses, egoísta. A palavra vem da junção de Philos e Autos, onde Autos provém da partícula au [talvez semelhante a raiz de aer “αηρ” pela ideia de um vento instável] (para trás).

E isto é muito preocupante, pois, se tais andam segundo essa forte descrição, um perigo paira sobre o Rebanho do Rabino Galileu.

O Rebanho do Mestre  NÃO É massa de manobra para atender os desejos vis, espúrios e carnais de quem quer que seja. ISTO É PECADO!!!


Voltando às perícopes citadas no início, vemos algumas verdades esquecidas durante o período político bienal brasileiro:

a. A Igreja é do Senhor Jesus

b. A Igreja tem como marca o Sangue do Senhor Jesus

c. A Igreja tem como Salvador o Senhor Jesus

d. A Igreja tem como Cabeça o Senhor Jesus

e. A Igreja sendo de Deus precisa ser cuidada como Ele quer

f. A Igreja tendo origem no próprio Deus tem que viver como Ele é

g. A Igreja é o que é por pertencer a Deus

Sendo assim, seria muito bom lembrar e refletir profundamente nas palavras encontradas no livro do profeta Isaías, capítulo 31, versículo 1 e 3, onde lê-se:

Ai dos que descem ao Egito a buscar socorro, e se estribam em cavalos, e têm confiança em carros, por serem muitos, e nos cavaleiros, por serem muito fortes; e não atentam para o Santo de Israel, e não buscam ao Senhor [...] Ora os egípcios são homens, e não Deus; e os seus cavalos carne, e não espírito; e quando o Senhor estender a sua mão, tanto tropeçará quem dá auxílio, como cairá quem recebe auxílio, e todos juntamente serão consumidos”.





¹No hebraico o número “sete” é a raiz da palavra “jurar”, obrigando o cumprimento da palavra feita sete vezes (Gn 21.28). Shedd

²Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa 3.0

³Dicionário Bíblico Strong



Em Cristo,
Ir. Márcio Da Cruz


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de preencher, um conselho: pense no que vai escrever. Pondere suas palavras. Respeito é tudo e inteligente.
Venha somar com seus comentários para que todos saiam ganhando.

Ir. Márcio Cruz