Rádio Hinos Inspirados


sexta-feira, 20 de novembro de 2009

O QUE VOCÊ ANDA VENDO?



Serafins... clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória” – Is 6.2,3.

Interessante como atualmente o homem está alcançando degraus maiores de sucesso, erguendo empreendimentos e marcando sua passagem nesta vida. Mas ao mesmo tempo - em uma análise mais profunda - vemos que ele vai se perdendo em suas vãs filosofias e em seus mais egoístas sentimentos. Analise de forma imparcial:

A maior parte dos problemas que hoje enfrentamos tem origem social. E esta situação nos traz o seguinte quadro:

• A violência cada vez mais patente e crescente;

• A tentativa governamental de legalizar entorpecentes e desestabilizadores familiares;

• A falha aplicação da justiça, que tem resultados terríveis;

• A negligência (não geral) da Agência de Deus na Terra (Igreja), que acaba por trazer resultados apenas momentâneos, pois não apresenta a solução (JESUS), apenas paliativos.

Os resultados disto são que as pessoas não conseguem ter a mesma visão que os serafins tiveram. Aliás, só se pode ter a mesma visão que eles, se for nítida a revelação do Senhor para a pessoa.

Permita que o Senhor se revele a você e que através desta revelação você possa ter a mesma visão que eles em meio a um mundo caótico e sem esperança de dias melhores.

Toda terra está cheia da Sua glória”. Você consegue ver e proclamar isto?


Nos Laços do Calvário,

Ir. Márcio Cruz

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

O GRANDE EXEMPLO



O Preço Mais Alto
Filipenses 2.5-11
Verdade Prática: “O Exemplo de Cristo Nos Ensina Que Para Toda Situação Há Um Preço A Ser Pago

1. Semelhança Com Cristo

Parecer-se com Jesus é regra inegociável e inadaptável para alcançar vitória (Jo 15.5c; 1Jo 2.6).
A Bíblia em Colossences 3.5-11 nos ensina que a vitória está em despojar-se da natureza comum a todos os que nascem neste mundo, ou seja, o EU, corrompido pelo gene do pecado.
Mas só conseguimos isto seguindo o conselho do escritor aos Hebreus no capítulo 12, vers. 2: “olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.
Olhar aqui significa manter o foco, a visão, o alvo. Pois só Nele manteremos a humildade que precisamos para sermos reconhecidos como herdeiros dos céus (Mt 11.28-30; Mt 5.3; conf. Com Sl 115.1).

2. Identidade Com Cristo

Toda atitude a ser tomada tem que partir de nós (lembremos que estamos tomando como exemplo o nosso Salvador Jesus). Esperar dos e pelos outros é declarar a nossa “infalibilidade” e “autodependência”! Sou humano, e como tal, tenho um limite que me diz que há um ponto em que me é impossível chegar. E preciso demonstrar isto às pessoas, para que as mesmas não se apoiem em quem não tem base sólida, firme, vive em uma soberba sem limites e orgulho demoníaco.
3. Servo Como Cristo
Observando o caminhar da Igreja atual, século XXI, pude observar o maior obstáculo que a mesma está a enfrentar: a existência de verdadeiros servos!
As grandes cátedras que outrora lutavam para ostentar a bandeira da Glória Divina ensanguentada no Calvário aos homens, hoje há apenas umas poucas fagulhas, pois estes altares hoje, mais se parecem com um mercado comum de comércio, onde o que mais oferecer vantagens, ganha a freguesia.
O nosso maior erro está em cairmos no mesmo erro israelita quando na posse de Canaã e suas vitórias na terra das promessa: esqueciam-se de Deus continuamente e deixavam de serví-Lo (Jz 2.13,17; 3.7,12; 4.1; 6.1; 8.34: 10.6; 13.1).
Quando nos conscientizarmos de que assim como Cristo ofereceu-se pelo homem, e deu-se por ele, viveremos em sua totalidade a importância e o significado de ser servo.

4. Vitorioso Como Cristo

Você lê a Bíblia com carinho, atenção, cuidado, imparcialidade, humildade e sinceridade?
Pois é. Se você age assim, já deve ter percebido que o texto que lemos no início nos indica o segredo da vitória de Jesus que (volto a dizer) nos ensina, e muito: “obediente até à morte”. Aí está a chave do sucesso, êxito, vitória: IR ATÉ O FIM. De que adianta caminhar, correr, desbravar trilhas inexploradas se vier a desistir logo no início, no meio ou até mesmo sentido o cheiro da linha de chegada?
A maior história é contada do pódio e não da plateia. O pódio dá uma visão geral, panorâmica, enquanto que a plateia é limitada, abafada e muitas vezes dolorida.
Siga até o fim, pois há algo reservado para você. Foi promessa de Jesus: “Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida – Ap 2.10”. O que é a morte (neste caso, física), senão o fim de tudo? Como morremos, indica como deixaremos uma marca.
Agora, se quiseres desistir, tenha a sensibilidade e humildade de reconhecer que a desistência parte de você e não de outro agente externo. Somos responsáveis por nossos próprios atos, sejam eles bons ou maus (Gl 6.7).

Que Deus em Cristo te abençoe
Vosso irmão,
Ir. Márcio Cruz

A MAIOR DECLARAÇÃO DO MUNDO


Pv 18.21 “A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto”.
Verdade Prática: “Refletir antes de falar é de suma importância para que se consiga chegar à vitória final”.


Muitos hoje estão se apegando de uma forma mística, supersticiosa, herética ao que chamamos de PODER DAS PALAVRAS. Através deste pequeno comentário, quero tentar orientar a cada um que for lê-lo a procurar encher-se do que Paulo chama das coisas do alto (Fp 4.8). Afinal, o Mestre Galileu Yeshua, disse "do que há em abundância no coração, disso fala a boca" -Mt 12.34.

Portanto, aprendamos com a Bíblia!!!!

Três exemplos bastante práticos:

1. JÓ:
• O relato inicial de sua vida o mostra sendo totalmente fiel em seu proceder (Jó 1.1,5).
• Mantêm-se assim durante toda a narrativa (Jó 19.25).
• O seu final é melhor que seu começo (Ler Gl 5.7 = Causativo: Jó 42.7,8. Efetivo: Jó 42.10-13).

2. PAULO:• O relato inicial de sua vida também o mostra zeloso, mas à sua maneira, o que certamente foi o fiel na balança para expandir o Reino de Deus no mundo (Gl 1.14: Deus usa aplicados e responsáveis).
• Duas verbalizações colocam Paulo como um exemplo (typos) a ser seguido (Gl 2.20 e 2 Tm 4.7,8).

3. JESUS:Quero referir-me ao Mestre apenas através de três verbalizações que Ele manifestou diante de todos. A primeira quando iniciou um pouco antes de iniciar seu ministério. A segunda quando iniciou o mesmo diante da multidão, e a terceira diante de todo o Universo.

• Mt 3.15 Jesus, porém, lhe respondeu: Consente agora; porque assim nos convém cumprir toda a justiça (consciência). Então ele consentiu.
• Mt 5.17 Não penseis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim destruir, mas cumprir (propósito).
• Jo 19.30 Então Jesus, depois de ter tomado o vinagre, disse: está consumado (fidelidade até o fim). E, inclinando a cabeça, entregou o espírito.

Portanto irmãos, cuidais com o que vossos lábios manifestam, pois os mesmos podem selar o vosso fim.

Em Cristo que manteve-se puro de lábios (Is 53.9),


Ir. Márcio Cruz

sábado, 22 de agosto de 2009

VITÓRIA




Três Razões Porque Satanás é Derrotado


1ª. Razão:
Ousou afrontar o Deus Vivo.

Is 14.13 E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu; acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono; e no monte da congregação me assentarei, nas extremidades do norte; 14 subirei acima das alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo.



2ª. Razão:
Está escrito na Palavra de Deus a sua completa e definitiva derrota.

Is 14. 11 Está derrubada até o Sheol a tua pompa, o som dos teus alaúdes; os bichinhos debaixo de ti se estendem e os bichos te cobrem. 12 Como caíste do céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste lançado por terra tu que prostravas as nações! 15 Contudo levado serás ao Sheol, ao mais profundo do abismo.
Ez 28. 2 Filho do homem, dize ao príncipe de Tiro: Assim diz o Senhor Deus: Visto como se elevou o teu coração, e disseste: Eu sou um deus, na cadeira dos deuses me assento, no meio dos mares; todavia tu és homem, e não deus, embora consideres o teu coração como se fora o coração de um deus. 6 portanto, assim diz o Senhor Deus: Pois que consideras o teu coração como se fora o coração de um deus, 7 por isso eis que eu trarei sobre ti estrangeiros, os mais terríveis dentre as nações, os quais desembainharão as suas espadas contra a formosura da tua sabedoria, e mancharão o teu resplendor. 8 Eles te farão descer à cova; e morrerás da morte dos traspassados, no meio dos mares.
Rm 16. 20 E o Deus de paz em breve esmagará a Satanás debaixo dos vossos pés. A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja convosco.


3ª. Razão:
Por causa de Jesus, a vitória é total.

Mt 5. 17 Não penseis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim destruir, mas cumprir.
Jo 19. 30 Então Jesus, depois de ter tomado o vinagre, disse: está consumado.
Cl 2.15: e, tendo despojado os principados e potestades, os exibiu publicamente e deles triunfou na mesma cruz.
1 Jo 3.8b: Para isto o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do Diabo.



Assim como Davi confiou no Senhor seu Deus diante do gigante problema, devemos também seguir o mesmo exemplo. Não há Golias que diante de nós permaneça em pé se guardarmos sem vacilar a confissão da nossa esperança (Hb 10.23).

quinta-feira, 16 de julho de 2009

ATITUDES

 
 2 Crônicas 7.14 - "e se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra".

Provérbios 28.13 - "O que encobre as suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia". 


3ª Lei de Newton: "Para cada ação há sempre uma reação, oposta e de mesma intensidade".



 
 

“A Bíblia nos fala em 2 Crônicas 7.14, que se o povo de Deus (meu* povo (Leia 1 Pedro 2.9 – você é de Jeová! Honre isto!) que leva consigo o Seu Nome, se humilhar (por que será que humilhar é o primeiro passo? Ler Provérbios 15.33), orar, buscar e se converter de seus maus caminhos, o Senhor OUVIRÁ dos céus (Leia Isaías 59.1), PERDOARÁ os seus pecados (Leia 1 João 1. 9) e SARARÁ a sua terra (Leia Êxodo 15.26).

*Meu: Preferido por mim; da minha predileção; Caro a mim; querido por mim; da minha amizade, da minha estima; Que eu gozo ou desfruto como se me pertencesse, se fosse propriedade minha – Aurélio Eletrônico.

Vivemos um tempo de estranha espiritualidade, fala-se muito e faz-se pouco. Ora-se pouco, mas não faltam decretos e determinações.


“Se verdadeiramente somos aqueles a quem, debochando os ímpios chamam (ou seria melhor dizer: CHAMAVAM?) BÍBLIA, então devemos fazer jus ao epíteto tão nobre e responsável, afinal, disse Jesus: “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, este é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei e me manifestarei a ele – João 14.21”.


Jesus não vivia de declarações. A Ele bastava crer e cumprir as Escrituras Sagradas acerca Dele e do plano de Salvação para a humanidade (Leia João 4.34; 5.30b; 6.38). Aliás, Ele dizia algo que hoje os crentes não tem coragem de dizer: “Para este propósito é que vim a este mundo!


O que falta na atual geração é o amor altruísta que movia os irmãos primitivos: Entrega total e incondicional à Santa e Gloriosa Palavra de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!


Se a Palavra de Deus diz que ela é o que diz ser, ou seja, a Palavra de Deus (Leia João 10.35, onde “não pode ser anulada fala de imutabilidade, o que nos leva a Malaquias 3.6 e Hebreus 13.8”; Jeremias 15.16 “as palavras as quais o profeta se referia era o Tanach, etc.; 2 Timóteo 3.16, onde “toda a Escritura se refere à Escritura escrita até então” (A palavra “inspirada” (gr. theopneustos) provém de duas palavras gregas: Theos, que significa “Deus”, e “pneuo”, que significa “respirar”. Sendo assim, “inspirado” significa “respirado por Deus”. Toda a Escritura, portanto, é respirada por Deus; é a própria vida e Palavra de Deus). O nosso dever é crer sem vacilar, é não pender para a direita ou esquerda da dúvida. É viver o “pisteuo”, crer de forma viva e ativa, pois, assim agindo, seremos firmes como os montes de Sião que não se abalam, mas permanecem para sempre (Salmo 125.1).


Shalom Hesed v'Shalom!

Márcio Cruz

quarta-feira, 15 de julho de 2009

ENOQUE: FAZENDO MISSÕES ATÉ O ARREBATAMENTO



-->
 


Enoque viveu sessenta e cinco anos e gerou a Metusalém. Andou Enoque com Deus; e, depois que gerou a Metusalém, viveu trezentos anos; e teve filhos e filhas. Todos os dias de Enoque foram trezentos e sessenta e cinco anos. Andou Enoque com Deus e já não era, porque Deus o tomou para si” - Gn 5.21-24
Quanto a estes foi que também profetizou Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que veio o Senhor entre suas santas miríades, para exercer juízo contra todos e para fazer convictos todos os ímpios, acerca de todas as obras ímpias que impiamente praticaram e acerca de todas as palavras insolentes que ímpios pecadores proferiram contra ele” - Judas vv. 14,15

Lendo os textos acima, você consegue se enxergar em Enoque?
Como está a tua vida em relação a Deus, ao teu próximo, à Obra do Senhor e a ti mesmo?
Falar de Enoque como um dos grandes e honrados filhos de Deus é muito fácil. Levar uma vida semelhante a dele é o grande dilema.


Deus contemplou a maldade acelerada no homem. Decidiu entrar com providência a respeito e usou alguém que Ele sabia que podia contar. Afinal de contas, o texto sagrado diz que Enoque ANDAVA com Deus. Lições sobre essa afirmação:

1. Enoque conhecia a Deus;
2. Enoque conhecia a Sua voz;
3. Enoque estava disponível para ser Seu porta-voz;
4. Enoque não temeu represália;
5. Enoque recebeu a recompensa por sua fidelidade.

Agora, você pode (sincera e honestamente) tirar o nome de Enoque e colocar o seu no lugar?
Vivemos os Dias de Noé, e tal como Enoque que o precedeu, devemos anunciar que o Juízo de Deus está por vir, mas existe saída para escapar de tão grande condenação (Rm 8.1).


Levantemos mais do que nunca a Bandeira do Evangelho de Cristo e dizer a todos que: JESUS,ELE, Salva, Batiza com o Espírito Santo, Cura, Liberta, Transforma e Breve Voltará para levar os fieis ao Senhor Deus para estarem junto Dele em e na Glória. 


Lembre-se: antes do arrebatamento há muito trabalho a ser feito. Foi o que Enoque fez. Sigamos o exemplo. Não olhemos para os outros, sigamos a pisada do Mestre Galileu e fixemos nossos olhos Nele (1 Pe 2.21; Hb 12.2) e corramos, pois temos que fazer MISSÕES ATÉ O ARREBATAMENTO.



 

Em Cristo, Senhor da Seara,
Márcio Cruz

sábado, 11 de julho de 2009

O VASO QUE DEUS USA



Olá!
A Paz do Senhor Jesus!

Você já deve ter ouvido falar a seguinte frase alguma vez dentro da igreja, em reuniões domésticas, vigílias e até mesmo na rua: "O (a) Ir. (ã) é vaso!

Mas o que seria vaso? O que levou muitas pessoas tornarem o "título" tão batido?
A Bíblia nos mostra em uma ilustração a figura do vaso (Jr 18.1-4). Paulo mostra os diversos tipos de vaso (2Tm 2.20), mas ele também diz qual é a função do vaso e qual a sua finalidade (2Tm 2.21; 2Co 4.7).

Você que se acha ou já foi chamado e até é conhecido como vaso, aqui vão duas perguntas fundamentais: 
1. Você tem feito diariamente a análise que Paulo aconselha em 2Co 13.5?
2. Você tem procurado estar sempre à disposição do oleiro (Is 6.8; 64.8)?

Leia abaixo as características e reveja seus conceitos para que após uma sincera e profunda auto análise, você veja, sinta a Glória do Senhor lhe envolver como Ele assim espera de cada um de nós.

OS VASOS QUE DEUS USA:
1. Vasos limpos (nova criatura em Jesus);
2. Vasos frágeis (coração quebrantado);
3. Vasos purificados (coração coberto pelo sangue de Jesus);
4. Vasos separados (propriedade exclusiva de Jesus);
5. Vasos consagrados (coração consciente);
6. Vasos de benção para abençoar (vida de serviço pra o Reino);
7. Vasos de barro (coração humilde).

Lembre-se:

Você e eu somos apenas, simplesmente, tão somente: BARRO!!!

No Amor de Cristo Jesus,
Márcio Cruz

quinta-feira, 9 de julho de 2009

POR QUE O CORDEIRO É DIGNO?


1.
Ele detém o controle de todas as coisas através de Sua entrega aos propósitos do Pai: Is 53.10; Mt 29.18; Hb 1.2,3 Ap 19.16


2. A Sua vida de submissão ao Pai O fez o principal alvo de Seus discípulos: Jo 13.15; 1 Pe 2.21; Ef 3.21


3. Sua vida ilibada (1Pe 2.23) O tornou digno da mais alta veneração, até por alguns de seus inimigos: Mc 15.39; Fp 2.8-11 (em todas as eras).



O que falta para você adorar Aquele que é o ÚNICO DIGNO em todo universo? Adore-O!!!



No Amor de Cristo Jesus,
Márcio Cruz

4 TRANSFORMAÇÕES DE DEUS NA VIDA DO FIEL

Uma das características (dentre tantas) do Deus da Bíblia, do Deus de Israel, do Deus da Igreja, do Senhor do Universo e também Seu Nome é que Ele é O Todo Poderoso (Gn 17.1). É impossível encontrar falhas, limitações (no sentido de força, espaço, tempo), incertezas e afins nEle. Paulo ao escrever aos cristãos romanos registrou que “Seja Deus verdadeiro, e mentiroso, todo homem – Rm 3.4”. Logo a própria Palavra de Deus nos ensina e temos que aceitar por mais severas que sejam as críticas contra ela que o que “Pois tudo quanto, outrora, foi escrito para o nosso ensino foi escrito – Rm 15.4”.

1ª TRANSFORMAÇÃO: Depois do sacrifício vem a ressurreição: Mc 8.31, conf. Fp 2. 5-10.
Temos o mal hábito, o costume de deter nosso foco e visão apenas na luta. Enquanto permanecermos assim jamais conseguiremos ver o trabalhar de Deus a nosso favor. Temos que crer nas promessas de Deus para nós.


2ª TRANSFORMAÇÃO: Depois do Calvário tem Pentecoste: Lc 24.46-49; conf. At 1.4,5,8; 2.1-4.
Tem a cruz (símbolo de nossa renúncia ao Senhor) a ser carregada. Mas para os perseverantes, tem o fogo para aquecer, guiar e destruir todo o mal (Êx 13.21; Jo 16.13; 12.29)


3ª TRANSFORMAÇÃO: Depois da Oração vem a Benção: 1Rs 18.36-39.
Não basta apenas orar, é necessário crer, ter vida santa, compromisso com Deus, pois a benção está na fé de que o Senhor realizará Seus intentos em nós e através de nós (Mt 21.22; Jo 11.40; 1Jo 5.14)


4ª TRANSFORMAÇÃO: Depois das Lágrimas vem a Alegria: Sl 30.5b; Jo 16.20-24.
Que tal se usássemos as nossas lágrimas como adoração ao Senhor e não como sinal de desespero, achando que o mundo vai explodir sobre e sob nós? O remédio para vivermos alegres é confiarmos que existe Alguém que no tempo hábil dará o escape e vitória tão necessários para converter nossas lágrimas de tristeza em lágrimas de festa. Afinal, é a promessa do Senhor escrita em Isaías 61.1-3.

Deixe Deus através de Seu Santo Espírito operar em você.
Vale a pena ser fiel!


No Amor de Cristo,

Márcio Cruz

quarta-feira, 10 de junho de 2009

04 VERDADES IMUTÁVEIS DA PALAVRA DE DEUS






1. VERDADE:
TODO homem é nascido em pecado:
Sl 51.5; Rm 3.10, 2; 5.12

2. VERDADE:
NÃO EXISTE atalho para a reconciliação com Deus:
Jo 14.6; At 4.12; 1Tm 2.5,6

3. VERDADE:
TODOS que não ouvem ao convite de Jesus estão debaixo de condenação:
Mc 16.16; Jo 3.14-19; 5.40; Rm 2.1-16; 6.23

4. VERDADE:
Mesmo diante da impossibilidade e incapacidade humana HÁ SOLUÇÃO:
Mt 11.28-30; Mc 10.45; 16.15,16; Lc 19.10; Jo 3.16-21; 6.37; Rm 6.23; 8.1.




"Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o Senhor é Deus, segui-o; mas se Baal, segui-o. O povo, porém, não lhe respondeu nada”.
1Rs 18.21

sábado, 9 de maio de 2009

RECEBAAAAA!!!!!

7 RAZÕES PORQUE NÃO SOU ABENÇOADO
Segundo o Livro de Malaquias

Interessante como o livro do profeta Malaquias só é lembrado quando se toca no assunto de dinheiro. Mas lendo com carinho e atenção, o livro do profeta é riquíssimo. Não de dinheiro , mas de ensinamentos que nos levarão a sermos de fato abençoados pelo Senhor.
O problema é que estamos precisando colocar em prática a Palavra do Senhor dita pelo profeta Isaías no cap. 8, vers. 20 que diz: "À lei e ao testemunho!"


1. Não corresponder ao amor do SENHOR – Ml 1.2
2. Não honrar e respeitar o SENHOR – Ml 1.6; 2.2
3. Não sacrificar o melhor para o SENHOR – Ml 1.7-14
4. Não adorar o Único e Verdadeiro DEUS (idolatria) – Ml 2.10-12
5. Não ser fiel no matrimônio (casamento) – Ml 2.13-16
6. Roubar ao SENHOR – Ml 3.6-9
7. Ser costumeiro com as coisas do SENHOR – Ml 3.13,14

Será que vivemos de fato na benção?
Releia pelo menos três vezes os sete pontos acima com suas respectivas referências, leia 2Co 13.5 e depois diga para si mesmo se de fato você é abençoado!

Nos Laços Firmados em Cristo,

Márcio Cruz