Rádio Hinos Inspirados


quinta-feira, 16 de julho de 2009

ATITUDES

 
 2 Crônicas 7.14 - "e se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra".

Provérbios 28.13 - "O que encobre as suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia". 


3ª Lei de Newton: "Para cada ação há sempre uma reação, oposta e de mesma intensidade".



 
 

“A Bíblia nos fala em 2 Crônicas 7.14, que se o povo de Deus (meu* povo (Leia 1 Pedro 2.9 – você é de Jeová! Honre isto!) que leva consigo o Seu Nome, se humilhar (por que será que humilhar é o primeiro passo? Ler Provérbios 15.33), orar, buscar e se converter de seus maus caminhos, o Senhor OUVIRÁ dos céus (Leia Isaías 59.1), PERDOARÁ os seus pecados (Leia 1 João 1. 9) e SARARÁ a sua terra (Leia Êxodo 15.26).

*Meu: Preferido por mim; da minha predileção; Caro a mim; querido por mim; da minha amizade, da minha estima; Que eu gozo ou desfruto como se me pertencesse, se fosse propriedade minha – Aurélio Eletrônico.

Vivemos um tempo de estranha espiritualidade, fala-se muito e faz-se pouco. Ora-se pouco, mas não faltam decretos e determinações.


“Se verdadeiramente somos aqueles a quem, debochando os ímpios chamam (ou seria melhor dizer: CHAMAVAM?) BÍBLIA, então devemos fazer jus ao epíteto tão nobre e responsável, afinal, disse Jesus: “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, este é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei e me manifestarei a ele – João 14.21”.


Jesus não vivia de declarações. A Ele bastava crer e cumprir as Escrituras Sagradas acerca Dele e do plano de Salvação para a humanidade (Leia João 4.34; 5.30b; 6.38). Aliás, Ele dizia algo que hoje os crentes não tem coragem de dizer: “Para este propósito é que vim a este mundo!


O que falta na atual geração é o amor altruísta que movia os irmãos primitivos: Entrega total e incondicional à Santa e Gloriosa Palavra de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!


Se a Palavra de Deus diz que ela é o que diz ser, ou seja, a Palavra de Deus (Leia João 10.35, onde “não pode ser anulada fala de imutabilidade, o que nos leva a Malaquias 3.6 e Hebreus 13.8”; Jeremias 15.16 “as palavras as quais o profeta se referia era o Tanach, etc.; 2 Timóteo 3.16, onde “toda a Escritura se refere à Escritura escrita até então” (A palavra “inspirada” (gr. theopneustos) provém de duas palavras gregas: Theos, que significa “Deus”, e “pneuo”, que significa “respirar”. Sendo assim, “inspirado” significa “respirado por Deus”. Toda a Escritura, portanto, é respirada por Deus; é a própria vida e Palavra de Deus). O nosso dever é crer sem vacilar, é não pender para a direita ou esquerda da dúvida. É viver o “pisteuo”, crer de forma viva e ativa, pois, assim agindo, seremos firmes como os montes de Sião que não se abalam, mas permanecem para sempre (Salmo 125.1).


Shalom Hesed v'Shalom!

Márcio Cruz

quarta-feira, 15 de julho de 2009

ENOQUE: FAZENDO MISSÕES ATÉ O ARREBATAMENTO



-->
 


Enoque viveu sessenta e cinco anos e gerou a Metusalém. Andou Enoque com Deus; e, depois que gerou a Metusalém, viveu trezentos anos; e teve filhos e filhas. Todos os dias de Enoque foram trezentos e sessenta e cinco anos. Andou Enoque com Deus e já não era, porque Deus o tomou para si” - Gn 5.21-24
Quanto a estes foi que também profetizou Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que veio o Senhor entre suas santas miríades, para exercer juízo contra todos e para fazer convictos todos os ímpios, acerca de todas as obras ímpias que impiamente praticaram e acerca de todas as palavras insolentes que ímpios pecadores proferiram contra ele” - Judas vv. 14,15

Lendo os textos acima, você consegue se enxergar em Enoque?
Como está a tua vida em relação a Deus, ao teu próximo, à Obra do Senhor e a ti mesmo?
Falar de Enoque como um dos grandes e honrados filhos de Deus é muito fácil. Levar uma vida semelhante a dele é o grande dilema.


Deus contemplou a maldade acelerada no homem. Decidiu entrar com providência a respeito e usou alguém que Ele sabia que podia contar. Afinal de contas, o texto sagrado diz que Enoque ANDAVA com Deus. Lições sobre essa afirmação:

1. Enoque conhecia a Deus;
2. Enoque conhecia a Sua voz;
3. Enoque estava disponível para ser Seu porta-voz;
4. Enoque não temeu represália;
5. Enoque recebeu a recompensa por sua fidelidade.

Agora, você pode (sincera e honestamente) tirar o nome de Enoque e colocar o seu no lugar?
Vivemos os Dias de Noé, e tal como Enoque que o precedeu, devemos anunciar que o Juízo de Deus está por vir, mas existe saída para escapar de tão grande condenação (Rm 8.1).


Levantemos mais do que nunca a Bandeira do Evangelho de Cristo e dizer a todos que: JESUS,ELE, Salva, Batiza com o Espírito Santo, Cura, Liberta, Transforma e Breve Voltará para levar os fieis ao Senhor Deus para estarem junto Dele em e na Glória. 


Lembre-se: antes do arrebatamento há muito trabalho a ser feito. Foi o que Enoque fez. Sigamos o exemplo. Não olhemos para os outros, sigamos a pisada do Mestre Galileu e fixemos nossos olhos Nele (1 Pe 2.21; Hb 12.2) e corramos, pois temos que fazer MISSÕES ATÉ O ARREBATAMENTO.



 

Em Cristo, Senhor da Seara,
Márcio Cruz

sábado, 11 de julho de 2009

O VASO QUE DEUS USA



Olá!
A Paz do Senhor Jesus!

Você já deve ter ouvido falar a seguinte frase alguma vez dentro da igreja, em reuniões domésticas, vigílias e até mesmo na rua: "O (a) Ir. (ã) é vaso!

Mas o que seria vaso? O que levou muitas pessoas tornarem o "título" tão batido?
A Bíblia nos mostra em uma ilustração a figura do vaso (Jr 18.1-4). Paulo mostra os diversos tipos de vaso (2Tm 2.20), mas ele também diz qual é a função do vaso e qual a sua finalidade (2Tm 2.21; 2Co 4.7).

Você que se acha ou já foi chamado e até é conhecido como vaso, aqui vão duas perguntas fundamentais: 
1. Você tem feito diariamente a análise que Paulo aconselha em 2Co 13.5?
2. Você tem procurado estar sempre à disposição do oleiro (Is 6.8; 64.8)?

Leia abaixo as características e reveja seus conceitos para que após uma sincera e profunda auto análise, você veja, sinta a Glória do Senhor lhe envolver como Ele assim espera de cada um de nós.

OS VASOS QUE DEUS USA:
1. Vasos limpos (nova criatura em Jesus);
2. Vasos frágeis (coração quebrantado);
3. Vasos purificados (coração coberto pelo sangue de Jesus);
4. Vasos separados (propriedade exclusiva de Jesus);
5. Vasos consagrados (coração consciente);
6. Vasos de benção para abençoar (vida de serviço pra o Reino);
7. Vasos de barro (coração humilde).

Lembre-se:

Você e eu somos apenas, simplesmente, tão somente: BARRO!!!

No Amor de Cristo Jesus,
Márcio Cruz

quinta-feira, 9 de julho de 2009

POR QUE O CORDEIRO É DIGNO?


1.
Ele detém o controle de todas as coisas através de Sua entrega aos propósitos do Pai: Is 53.10; Mt 29.18; Hb 1.2,3 Ap 19.16


2. A Sua vida de submissão ao Pai O fez o principal alvo de Seus discípulos: Jo 13.15; 1 Pe 2.21; Ef 3.21


3. Sua vida ilibada (1Pe 2.23) O tornou digno da mais alta veneração, até por alguns de seus inimigos: Mc 15.39; Fp 2.8-11 (em todas as eras).



O que falta para você adorar Aquele que é o ÚNICO DIGNO em todo universo? Adore-O!!!



No Amor de Cristo Jesus,
Márcio Cruz

4 TRANSFORMAÇÕES DE DEUS NA VIDA DO FIEL

Uma das características (dentre tantas) do Deus da Bíblia, do Deus de Israel, do Deus da Igreja, do Senhor do Universo e também Seu Nome é que Ele é O Todo Poderoso (Gn 17.1). É impossível encontrar falhas, limitações (no sentido de força, espaço, tempo), incertezas e afins nEle. Paulo ao escrever aos cristãos romanos registrou que “Seja Deus verdadeiro, e mentiroso, todo homem – Rm 3.4”. Logo a própria Palavra de Deus nos ensina e temos que aceitar por mais severas que sejam as críticas contra ela que o que “Pois tudo quanto, outrora, foi escrito para o nosso ensino foi escrito – Rm 15.4”.

1ª TRANSFORMAÇÃO: Depois do sacrifício vem a ressurreição: Mc 8.31, conf. Fp 2. 5-10.
Temos o mal hábito, o costume de deter nosso foco e visão apenas na luta. Enquanto permanecermos assim jamais conseguiremos ver o trabalhar de Deus a nosso favor. Temos que crer nas promessas de Deus para nós.


2ª TRANSFORMAÇÃO: Depois do Calvário tem Pentecoste: Lc 24.46-49; conf. At 1.4,5,8; 2.1-4.
Tem a cruz (símbolo de nossa renúncia ao Senhor) a ser carregada. Mas para os perseverantes, tem o fogo para aquecer, guiar e destruir todo o mal (Êx 13.21; Jo 16.13; 12.29)


3ª TRANSFORMAÇÃO: Depois da Oração vem a Benção: 1Rs 18.36-39.
Não basta apenas orar, é necessário crer, ter vida santa, compromisso com Deus, pois a benção está na fé de que o Senhor realizará Seus intentos em nós e através de nós (Mt 21.22; Jo 11.40; 1Jo 5.14)


4ª TRANSFORMAÇÃO: Depois das Lágrimas vem a Alegria: Sl 30.5b; Jo 16.20-24.
Que tal se usássemos as nossas lágrimas como adoração ao Senhor e não como sinal de desespero, achando que o mundo vai explodir sobre e sob nós? O remédio para vivermos alegres é confiarmos que existe Alguém que no tempo hábil dará o escape e vitória tão necessários para converter nossas lágrimas de tristeza em lágrimas de festa. Afinal, é a promessa do Senhor escrita em Isaías 61.1-3.

Deixe Deus através de Seu Santo Espírito operar em você.
Vale a pena ser fiel!


No Amor de Cristo,

Márcio Cruz